domingo, 6 de janeiro de 2013

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

Revista francesa volta a publicar quadrinhos com o profeta Maomé

França - A revista satírica francesa Charlie Hebdo, que sofreu ataques e causou indignação dos muçulmanos após publicar uma charge com Maomé, voltou a publicar quadrinhos retratando o fundador do Islã. Desta vez a revista publicou a edição “A vida de Maomé”, uma adaptação para os quadrinhos da vida do profeta, baseada no trabalho de cronistas muçulmanos. O editor da revista defende que o material é inofensivo e tem fins educativos. Apesar da justificativa, a publicação já atraiu a antipatia dos muçulmanos. Pelo Twitter, Ibrahim Kalin, conselheiro político do primeiro-ministro turco, Recep Tayyip Erdogan, afirmou que o ato de transformar a vida de Maomé em quadrinhos é, por si só, um erro. Ele classificou a revista como ''uma provocação'', e pediu que os muçulmanos a ignorem. O porta-voz do governo disse que a França é um país que busca sempre o equilíbrio entre a liberdade de expressão e o respeito à ordem pública.

quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Aumenta a nossa fé!

Os apóstolos disseram ao Senhor: “Aumenta a nossa fé!” Ele respondeu: “Se vocês tiverem fé do tamanho de uma semente de mostarda, poderão dizer a esta amoreira: ‘Arranque-se e plante-se no mar’, e ela lhes obedecerá.” -- Lucas 17:5-6 

 Como é que Deus aumenta a nossa fé? Para muitos, não será realizando prodígios, nem andando em chuva de bênçãos. Será enfrentando provações e desafios, perdas e sofrimento, motivos e mais motivos para duvidar e desistir. Será passando por tudo isso com uma única prova para segurar - o exemplo do carpinteiro de Nazaré andando adiante. O ponto de Jesus não é que seus discípulos deveriam se tornar provedores de milagres. Pelo que sabemos, eles passaram por muitas perdas e provações. T.W. Manson bem observou que "Esta palavra de Jesus não chama Cristãos a se tornarem feiticeiros ou magos, mas, heróis como aqueles cujos feitos foram comemorados no décimo primeiro capítulo de Hebreus." Não é a fé que move a montanha. É o poder de Deus. E mesmo sem ver a montanha mover, a fé permanece. A fé diante das provações diz "Mesmo não florescendo a figueira, e não havendo uvas nas videiras ... ainda assim eu exultarei no SENHOR e me alegrarei no Deus da minha salvação." (Hab 3:17-18). Na terrível peneira da tentação, a fé diz "a graça dEle me basta". A fé, mesmo em cadeias, declara "tudo posso naquele que me fortalece". Para aqueles que acreditam em Jesus, a fé existe, não para eliminar a tentação ou quebrar cadeias, mas, para agüentar o quanto for necessário até que a vontade do Senhor seja realizada em nós e por meio de nós. Esta é a fé que é o legado dos seguidores de Jesus. Que esta fé seja a sua hoje e todas as manhãs até que Ele decida torná-la em realidade diante dos seus olhos. Que esta fé em Jesus seja sua.