sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Literatura gratuita dos irmãos Lee e Nee para Download

Alguns dos livros já disponíveis:

Elementos Básicos da Vida Cristã, Primeiro Volume
da autoria de Watchman Nee e Witness Lee
Da contra-capa:
"A vida cristã é uma vida cheia de significado, contudo muitas pessoas não compreendem os elementos básicos dessa vida tal como são apresentados na Palavra de Deus, a Bíblia. Neste primeiro volume de Elementos Básicos da Vida Cristã, de Watchman Nee e Witness Lee, descreve-se e apresenta-se a vida cristã. O primeiro capítulo fala sobre o mistério da vida humana e apresenta o plano de salvação de Deus. Os capítulos que se seguem expõem de forma detalhada várias experiências básicas de um cristão. O último capítulo apresenta a chave final – a experiência de Cristo no espírito humano – da vida cristã. Para aqueles que buscam Deus e para os crentes que desejam crescer em Cristo, estas mensagens estabelecerão um firme alicerce para uma vida cristã rica e cheia de significado."

O Cristo Todo-Inclusivo
da autoria de Witness Lee
Da contra-capa:
"Todos os tipos e todas as figuras encontrados no Velho Testamento apresentam uma visão maravilhosa do nosso Salvador Jesus Cristo. Um dos tipos mais significativos e, contudo, um dos mais negligenciados é a boa terra. Em O Cristo Todo-inclusivo, Witness Lee expõe porções do livro de Deuteronômio e mostra que a terra herdada pelos filhos de Israel é um tipo completo de Cristo, que é a nossa herança neotestamentária. Ele apresenta um estudo pormenorizado de algumas das riquezas insondáveis da boa terra. Cada tipo é explicado e aplicado à nossa experiência como crentes. Do princípio ao fim, O Cristo Todo-inclusivo encoraja aqueles que buscam Deus a experimentarem e a desfrutarem diariamente Cristo como a boa terra, para o cumprimento do propósito eterno de Deus."

A Igreja Gloriosa
da autoria de Watchman Nee
Da contra-capa:
"Deus vê a igreja, os crentes redimidos, com uma perspectiva celestial. Deus não a vê derrotada pelo poder do pecado e dos pecados, mas como o glorioso complemento de Cristo. Em A Igreja Gloriosa, Watchman Nee mostra quatro prefigurações significativas da igreja na Bíblia: Eva, em Gênesis 2; a esposa, em Efésios 5; a mulher, em Apocalipse 12; e a noiva, em Apocalipse 21 e 22. Em cada uma dessas passagens, ele apresenta o elevado chamamento da igreja para cumprir o propósito eterno de Deus. As notas pessoais, recentemente descobertas, complementam esta tradução nova e fresca de A Igreja Gloriosa, o que a torna o registro mais completo das mensagens dadas por Watchman Nee do outono de 1939 ao outono de 1942."

Baixe estes e outros livros direto no Living Stream Ministry.

Universal F.C. planeja retorno após dez anos

Clube mantido pela Igreja Universal do Reino de Deus já iniciou preparação para a Série C de 2011
A torcida do Corinthians é apontada com a mais fiel do país, mas essa fama pode estar com os dias contados. Dez anos após ter encerrado oficialmente suas atividades, o Universal Futebol Clube, administrado pela Igreja Universal do Reino de Deus, deverá voltar aos gramados em 2011. O clube está prestes a regularizar sua associação à Ferj, para se inscrever na disputa do Campeonato Estadual da Série C.

De acordo com levantamento próprio, a igreja tem oito milhões de seguidores espalhados por todo o país. Mas, apesar disto, os gestores do clube garantem que levar os fiéis dos templos para as arquibancadas não é o principal objetivo. Coordenador do projeto, o treinador Valdo Ferreira, de 40 anos, diz que a instituição procura dar ênfase ao lado social do esporte.

“Nossa ambição é a de abrigar não apenas a faceta de atleta de cada jogador, mas o homem. Não queremos usar o esporte para trazer novos seguidores. Queremos oferecer oportunidades a todos, independentemente de seu credo. Queremos mudar a cultura do futebol, que define rótulos. Não podemos aceitar que um jogador de 19 anos esteja velho, que de 23 anos esteja acabado. Daremos oportunidades a todos”, explica o treinador, evangélico convertido há 22 anos.

Para fazer bonito na volta às competições nacionais, o Universal Futebol Clube já iniciou os trabalhos. Há 45 dias, o elenco treina e realiza amistosos contra diversos clubes do estado. Entre eles, Boavista e Macaé Esporte. Além de entrosar a equipes, esses jogos servem para abrir novos contatos no mundo dos homens.

“Precisamos de parceiros. Daremos oportunidades para que os jovens cresçam com o clube, e outras oportunidades podem surgir para eles, no Brasil ou no exterior, e precisamos de canais sólidos”, explica Ferreira.

Favoritismo

O treinador-dirigente sabe que representar o clube da IURD gera um inegável favoritismo, e afirma que a primeira experiência, encerrada em 2000, ensina a lidar com os erros, que prefere não relacionar.

“Naquele momento, algumas coisas se perderam. Eu estava naquele primeiro momento e fui convidado a voltar agora. Temos hoje um grupo forte, competitivo, e esperamos entrar para buscar títulos. A Universal é uma potência e tem dado total amparo para tudo o que precisamos”, resume.

Fim das atividades

Do clube que encerrou as atividades em 2000, quando disputava o Campeonato Estadual da Segunda Divisão, só restaram o nome e as cores. E talvez nem isto, já que nem mesmo a manutenção do nome Universal Futebol Clube é certa. A cúpula da Iurd deverá decidir nos próximos dias.

Nestes dez anos, o clube se desfez do Estádio Eustáquio Marques que, neste período, já passou por diversos clubes: Flamengo, Estácio de Sá e, hoje, pertence ao Esporte Clube Marinho, da Série C e um possível adversário neste retorno.

Embora ainda haja muitas incertezas, o clube trabalha com duas possibilidades para exercer o mando de campo: o Estádio Mestre Telê Santana, em Duque de Caxias, ou em São Januário. “Isso ainda será definido. Mas tenho muita fé que tudo vai dar certo”, conclui Valdo. De fato, fé não vai faltar.

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

O Que a Bíblia diz sobre "Halloween"

A tentativa de fazer com que o dia 31 de Outubro entre para o nosso calendário como “Dia das Bruxas” está, infelizmente, caminhando a passos largos. Ano após ano, escolas, clubes e outros grupos aproveitam a data para “comemorar” o Halloween utilizando-se de fantasias de bruxas, fantasmas e duendes, com abóboras e mamões transformados em caveiras...

Neste contexto, de um modo geral, surgem duas visões divergentes a este respeito: de um lado, há os que pregam veementemente contra esta comemoração, acusando-a de ser uma festa satânica, e de outro há os que acreditam se tratar de uma celebração inocente, sem nenhum mal. Como cristãos, acreditamos que nossa referência é a Palavra de Deus. Portanto, neste estudo vamos procurar estabelecer alguns princípios bíblicos para a viabilidade ou não das festas de Halloween.


Um pouco de História: A comemoração do Halloween teve início na Irlanda, há mais de 3 mil anos, no chamado Samhain - festival da colheita dos celtas. Os Druidas (magos celtas) acreditavam que nessa noite a janela que separava o mundo dos vivos do mundo dos mortos desaparecia, e as almas dos mortos regressavam numa visita aos lares terrenos. Para manter esses espíritos contentes e afastar os maus espíritos de seus lares os celtas deixavam comida e doces na parte de fora de suas casas, e realizavam rituais com sacrifícios humanos.


Significado espiritual: Em nossos dias, tanto no calendário pagão (movimento neo-pagão), como na bruxaria e no satanismo (adeptos da Igreja Mundial de Satanás), o Halloween é a data mais importante do ano. Rituais para invocação de espíritos, comunicação com os mortos, adivinhações, e até mesmo a adoração e evocação do próprio Satanás são realizados de maneira pródiga neste dia.

Conseqüências: Embora muitos defendam o Halloween como uma festa folclórica da cultura norte-americana, e o comércio incentiva a comemoração visando tirar proveito dela, não podemos fechar os olhos para as nefastas conseqüências que esta “comemoração” traz para as pessoas e para a nossa nação.


Vamos enumerar algumas:

1) Todos os valores enaltecidos nas festas de Halloween são contrários à boa, agradável e perfeita vontade de Deus para as nossas vidas:


• Morte: “Todos os que me aborrecem amam a morte.” (Provérbios 8:36)

• Bruxaria e Feitiçaria: “Não permitam que se ache alguém entre vocês que queime em sacrifício o seu filho ou a sua filha; que pratique adivinhação, ou se dedique à magia, ou faça presságios, ou pratique feitiçaria...” (Deuteronômio 18:10)

• Comunicação com os mortos: “Não permitam que se ache alguém entre vocês que faça encantamentos; que seja médium, consulte os espíritos ou consulte os mortos. O Senhor tem repugnância por quem pratica essas coisas” (Deuteronômio 18:11-12)

• Ocultismo: “E não comuniqueis com as obras infrutuosas das trevas, mas antes condenai-as. Porque o que eles fazem em oculto até dizê-lo é torpe.” (Efésios 5:11-12)


2) Embora muitos participem de tais comemorações de maneira inocente e lúdica, sem o objetivo de adorar a Satanás, indiretamente estarão fazendo isso. Observe as palavras do próprio Jesus Cristo:


“Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro” (Mateus 6:24);


"Quem não é por mim é contra mim." (Mateus 12:30).


3) A popularização de figuras como bruxas, feiticeiros, duendes, caveiras e espíritos malignos presentes no Halloween, faz com que, a médio e longo prazo, crianças e adultos, não só aceitem tais figuras e valores, mas as amem! É uma espécie de condicionamento através do qual, as pessoas passam a amar e a admirar os valores satânicos, tão abomináveis diante de Deus. "Aquilo que uma geração tolera, a próxima adota como estilo de vida normal". O contato constante com estes valores afeta nossa sensibilidade de tal maneira que, o que antes parecia feio e errado, nos pareça normal e aceitável. Assim, ao sermos coniventes com esta “festa”, estaremos condenando as próximas gerações a aceitarem como corretos e aprazíveis os componentes do Reino das Trevas:


“Ai dos que ao mal chamam bem, e ao bem mal; que fazem das trevas luz, e da luz trevas; e fazem do amargo doce, e do doce amargo!” Isaías 5:20.


CONCLUSÃO:

Embora nem todos tenham consciência disso, uma tremenda guerra espiritual está ocorrendo bem acima de nossas cabeças, e o Halloween é uma das estratégias do Diabo e suas Hostes espirituais para tentar enaltecer e popularizar as obras das trevas. Cabe a cada um de nós demonstrar verdadeiro repúdio a esta maldita celebração importada dos EUA. Como disse Eddy Andrade Pinos, diretor regional da Cultura no Equador há alguns anos atrás: "Nada temos que fazer com bruxas nem abóboras, tampouco enganar as crianças com contos de bruxas"... Também nenhuma escola pode obrigar seus alunos a participarem destas festas, uma vez que ultrapassam o campo cultural e acadêmico, e violam princípios cristãos. Por isso, por amor a Jesus, não tomem parte destas coisas!


“Porque outrora vocês eram trevas, mas agora são luz no Senhor; vivam como filhos da luz e aprendam a discernir o que é agradável ao Senhor” (Efesios 5:8, 10)



E disse: O SENHOR Deus de Israel, não há Deus como tu, em cima nos céus nem em baixo na terra; que guardas a aliança e a beneficência a teus servos que andam com todo o seu coração diante de ti.

1 Reis 8:23

Bíblia Sagrada: A Origem

 
Foi Eusébio Sofrónio, o tradutor da Vulgata, que chamou pela primeira vez ao conjunto dos livros do Antigo Testamento e Novo Testamento de “Biblioteca Divina“. A palavra Bíblia é derivada da palavra grega “Biblos”, e quer dizer Coleção de Livros e é exatamente isso que é a Bíblia Sagrada: uma coleção de livros catalogados, considerados como divinamente inspirados pelas três grandes religiões dos filhos de Abraão (além do cristianismo e do judaísmo, o islamismo).

A Bíblia é muito antiga. Sua escrita demorou 1600 anos começando por volta do séc. XV A.C e terminou somente no séc I D.C. sendo escrita por 40 homens das mais diversas profissões, origens culturais e classes sociais. Esse é o motivo pelo qual muitas passagens são difíceis de serem compreendidas nos dias de hoje obrigando-nos a ter de recorrer aos Estudos Bíblicos.


A Bíblia foi originalmente registrada em materiais como o papiro (uma erva da família das ciperáceas, própria das margens alagadiças do rio Nilo, na África, cujas compridas folhas forneciam hastes das quais se obtinha o papiro) e pergaminhos (pele de cabra, de ovelha ou de outro animal, macerada em cal, raspada e polida, para servir de material de escrita, e também de encadernação).
Os idiomas originais utilizados na escrita da Bíblia Sagrada foram o hebraico usado para escrever todo o Antigo Testamento, com exceção dos livros chamados Deuterocanônicos, e de alguns capítulos do livro de Daniel, o grego utilizado para escrever os livros Deuterocanônicos do Antigo Testamento e praticamente todos os livros do Novo Testamento e o aramaico utilizado em alguns capítulos do livro de Daniel.

Existem muitos fatos curiosos e interessantes sobre a história da Bíblia Sagrada, como as diversas vezes em que ela foi ameaçada por homens poderosos, desde imperadores a líderes religiosos, que tentaram desesperadamente exterminá-la. Você se interessou por essa história? Então acompanhe as próximas partes da trajetória das Escrituras Sagradas.


quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Som da Semana - Tienes Todo En Tus Manos

Plenitud - Tienes Todo En Tus Manos




Plenitude, ministério de louvor da Igreja Plenitude na cidade de Cali, na Colômbia. Em junho de 2000 eles lançaram seu 1o CD chamado Grande Eres Tu, composto por seis faixas de demonstração para ser ouvido entre os membros de sua igreja e pessoas próximas ao grupo. Sem pensar que Deus poderia expandir gradualmente a sua música, passam a vender um grande número de cópias e se estabelecem como a banda de Gospel Rock preferida entre os moradores de Cali, sua cidade natal.
Em 2001, duas de suas músicas são escolhidas de mais ouvidas do ano, no sudoeste da Colômbia, juntamente com artistas como Marcos Witt, Lilly Goodman, Alex Campos, entre outros. Suas canções têm vindo a ficar mais de 4 meses cada na primeira posição de preferência, nas principais estações da Colômbia.

O principal objetivo da Plenitude, é apresentar um Deus verdadeiro à juventude sem ser religioso, o Deus que só quer que nos aproximemos dele, conhecê-lo e deixá-lo preencher essas lacunas que os jovens procuram preencher com coisas que não fazem bem para si e nem para a sociedade.

http://www.plenitudrock.com/

terça-feira, 26 de outubro de 2010

nunca tomo banho

Um freqüentador de Igreja escreveu para um jornal e declarou que não faz sentido ir aos cultos todos os domingos.

Eu tenho ido à Igreja por 30 anos e durante este tempo devo ter ouvido uns 3.000 sermões. Alias, por minha vida, com exceção de um ou outro, eu não consigo lembrar da maioria deles ... Assim, eu penso que estou perdendo meu tempo e os pastores também estão desperdiçando o tempo deles.

Esta carta iniciou uma grande controvérsia na coluna Cartas ao Editor, para alegria do editor chefe do jornal, que recebeu diversas cartas, das quais, ele decidiu publicar esta resposta de um outro leitor:

Eu estou casado há mais de 30 anos, Durante este tempo minha esposa deve ter cozinhado umas 30.000 refeições. Mas, por minha vida, com exceção de uma ou outra, eu não consigo me lembrar da maioria delas, mas de uma coisa eu sei, todas elas me nutriram e me deram a força que eu precisava para fazer a meu trabalho. Se minha esposa não tivesse me dado estas refeições, eu e nossos filhos estaríamos desnutridos ou mortos. Da mesma maneira, se eu não tivesse ido à Igreja para alimentar minha alma e de minha família, estaríamos hoje em terríveis condições espirituais.

Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus. [Mateus 4:4]

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

A Graça Da Garça

Vídeo muito bom! (já é antigo mas vale relembrar)



Complementando: O cristão não deve fazer parte do mundo. O que essa frase quer dizer?
Fazer parte do mundo, isso é inevitável, todos fazemos parte de um mundo, mas o que me refiro a não fazer parte do mundo como cristão significa não concordar com o rumo que o mundo toma, e tomar a direção contrária, assim como a garça, saber viver em meio a lama sem sujar as vestes!

Digo assim: o cristão não deve tomar "parte" com as coisas do mundo, 'coisas do mundo' podem ser palavras impactantes e fortes, mas o que elas significam é que eu não vivo mais para este mundo e sim para Deus. Por isso não me conformo com as 'ondas' e 'modinhas' que o mundo tenta me impor, e busco viver uma vida de santidade dando um bom testemunho.

God bless!

domingo, 24 de outubro de 2010

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Mensagens ocultas nas músicas seculares

As vezes nos perguntamos: que mal tem escutar uma musiquinha secular bacana?
Olhando com os olhos do mundo talvez não tenha nenhum problema mesmo, as letras são até bonitas e nos fazem bem... Porém trazendo aos olhos da luz da palavra de Deus conhecemos o fruto da luz e as obras das trevas.
Leia Efésios 5:6-20
       Ninguém vos engane com palavras vãs; porque, por essas coisas, vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência. Portanto, não sejais participantes com eles. Pois, outrora, éreis trevas, porém, agora, sois luz no Senhor; andai como filhos da luz (porque o fruto da luz consiste em toda bondade, e justiça, e verdade), provando sempre o que é agradável ao Senhor. E não sejais cúmplices nas obras infrutíferas das trevas; antes, porém, reprovai-as. Porque o que eles fazem em oculto, o só referir é vergonha. Mas todas as coisas, quando reprovadas pela luz, se tornam manifestas; porque tudo que se manifesta é luz. Pelo que diz: Desperta, ó tu que dormes, levanta-te de entre os mortos, e Cristo te iluminará. Portanto, vede prudentemente como andais, não como néscios, e sim como sábios, remindo o tempo, porque os dias são maus. Por esta razão, não vos torneis insensatos, mas procurai compreender qual a vontade do Senhor. E não vos embriagueis com vinho, no qual há dissolução, mas enchei-vos do Espírito, falando entre vós com salmos, entoando e louvando de coração ao Senhor com hinos e cânticos espirituais, dando sempre graças por tudo a nosso Deus e Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo;

O entendimento que recebi do Senhor lendo Efésios 5, foi de que a música foi feita para louvar e adorar a Deus e também transmitir Sua palavra com mensagens que edificão nossas vidas e nos aproximam do Senhor. E a música do mundo, é feita para o mundo, o cristão não deve fazer parte do mundo e das coisas do mundo, mas tomar a direção contrária e abrir mão de tais coisas. Devemos buscar o que é de Deus,  aquilo que agrada ao Espírito e não a carne.



Pra você ter uma idéia do que a palavra se refere as obras infrutíferas das trevas, saca só esse estudo secular que achei sobre uma música de rock muito famosa no mundo.

Ocultismo em Stairway to Heaven:
“Stairway to Heaven” é a mais famosa canção da banda inglesa Led Zeppelin. Composta pelo guitarrista Jimmy Page e pelo vocalista Robert Plant para o quarto álbum de estúdio da banda, Led Zeppelin IV. Mas o que ela significa?
Para entendermos o significado da letra, precisamos colocar a música e o próprio Led Zeppelin dentro do contexto na qual ela foi escrita. Jimmy Page e Robert Plant. A música foi composta em 1970-71, bem no período onde Page morou em Boleskine e era dono de uma livraria especializada em ocultismo, a “The Equinox Booksellers and Publishers” e chegou a publicar alguns textos de Aleister Crowley, apesar de nunca ter se iniciado formalmente na Ordo Templi Orientis. Sabendo disso, podemos colocar a música em sua perspectiva correta: Assim como os graus nas Ordens que vieram da Rosa Cruz (como a Golden Dawn, por exemplo)todo o processo de evolução caminha na subida alegórica pela Escada Celestial (Starway) e é disso que a música trata.
There’s a Lady who’s sure,
All that glitters is gold,
And she’s buying a Stairway to Heaven.
Esta “Lady”, ao contrário do que as pessoas imaginam, não é a Shirley Bassed (essa idéia apareceu em uma referência de Leonard tale no CD Australiano). A “Lady” que Robert Plant fala é Yesod, a Qualidade Universal do Espírito, a Princesa aprisionada dos contos de fada, a vontade primordial que nos leva á meditação, ao auto-conhecimento e ao início da Escada de Jacob, que é a Starway to Heaven, (Caminho das estrelas), trocadilho com o nome da música e que também foi utilizado em outros contextos para expressar as mesmas idéias, como por exemplo, no nome “Luke Skywalker” na Saga do Star Wars. Um dia falo mais sobre isso…
Na Mitologia Nórdica, a Lady é Frigga, também conhecida como Ísis, Maria, A Mãe, Iemanjá, Diana, Afrodite, etc…

Clique aqui se quiser continuar lendo o estudo direto da fonte.


Outros posts:

Cuidado com o que entra pelos seus ouvidos, o inimigo trabalha na mente das pessoas e o que ele quer é deixá-lo vulnerável e não permitir que você saiba ou aceite as verdades contidas na bíblia. Pr. João Guilherme

Where is the love?

“Contribua de acordo com a tua RENDA, para que Deus não torne tua renda segundo sua CONTRIBUIÇÃO.”

é irmãos... onde está o amor?

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Mundo curioso - Guaraná Jesus

GUARANÁ JESUS – Brasil. Refrigerante. 1920.

Vocês já ouviram falar do guaraná Jesus?

Falamos então do Guaraná Jesus, refrigerante extremamente famoso em todo o Maranhão. Sua cor rosa e seu gosto peculiar, com toques de cravo e canela, construíram um mercado tão forte no estado que a bebida chegou a superar a popularidade da Coca-Cola. Aliás, a afinidade com a marca norte-americana não se restringe somente às vendas.

O farmacêutico Jesus Norberto Gomes, inventor do guaraná que leva seu nome, teve a mesma profissão que John Pemberton, o homem que desenvolveu a fórmula da Coca-Cola. Coincidentemente, ambos buscavam criar um medicamento para o estômago, mas as experiências não deram certo. No caso de Gomes, ele resolveu transformar o fracasso numa inofensiva e doce bebida para os netos. A invenção escapou do âmbito familiar e ganhou o gosto popular, tornando-se mais tarde um empreendimento de sucesso.

Curiosidades de Sobremesa

1 – Jesus Norberto Gomes era ateu.

2 – Dizem os mais entusiasmados que a popularidade do Guaraná Jesus no Maranhão é tão grande que extrapola o sentido original da palavra que compõe a marca. Lá, quando alguém fala Jesus, a primeira coisa que vem à cabeça é o refrigerante. Depois é que o pessoal pensa no fundador do Cristianismo.

3 – Em 2001 a Coca-Cola comprou os direitos de produção do Guaraná Jesus.

4 – A popularidade do mais conhecido refrigerante do Maranhão vai contra toda a lógica publicitária, pois até 1998 nenhuma propaganda do produto tinha sido veiculada em qualquer meio de comunicação.

Treinamento de Evangelização na capital gaúcha

No dia 23 de outubro, acontece em Porto Alegre (RS) o Treinamento para Evangelização com Literatura, promovido pela Sociedade Bíblica do Brasil (SBB). Programado para as 8h30, na Igreja Encontros de Fé, no bairro de Navegantes, o evento tem o objetivo de estimular a troca de experiências e renovar o entusiasmo daqueles que se dedicam à divulgação da mensagem bíblica. Além disso, a expectativa do encontro é sensibilizar e estimular novos voluntários a ingressarem no programa Sócio Evangelizador, mantido pela SBB há cerca de 30 anos e que conta com mais de três mil voluntários.

De abrangência nacional, o programa destina-se à distribuição maciça de folhetos bíblicos ilustrados em locais de grande movimento. Chamados de seleções bíblicas, esses folhetos trazem passagens bíblicas selecionadas com o objetivo de provocar uma reflexão sobre temas recorrentes no dia a dia da população urbana, como solidão, violência e valor da vida humana, bem como sobre os valores eternos expressos na Bíblia como fé, salvação, nova vida.

Já há alguns anos, a SBB vem realizando encontros dessa natureza. Em 2009, por exemplo, mais de duas mil pessoas participaram de encontros realizados em Brasília (DF), Aracaju (SE), Belém (PA), Sorocaba (SP), Taubaté (SP), Osasco (SP), Manaus (AM), Feira de Santana (BA), Goiânia (GO) e Porto Alegre (RS). “Esta é uma oportunidade única de conhecer as necessidades dos sócios evangelizadores e como desenvolvem esse trabalho tão importante, que tem levado a Palavra de Deus a milhares de pessoas em todo o país. Além disso, queremos engajar novos sócios para este programa”, afirma Mário Rost, gerente de Desenvolvimento Institucional da SBB e responsável pela coordenação nacional do programa.

O evento é aberto aos sócios evangelizadores já cadastrados e ao público interessado em conhecer melhor os objetivos do programa
Sócio Evangelizador da SBB.

Treinamento para Evangelização com Literatura
Data: 23 de outubro de 2010
Horário: das 08h30 às 12h
Local: Igreja Encontros de Fé Av. Presidente Franklin Roosevelt, 313 – Navegantes Porto Alegre – RS
Informações e confirmação de presença: 0800-727-8888

http://www.sbb.org.br/

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Som da Semana - God is Here

Sonicflood - God is Here
Álbum - This Generation

 Banda Cristã americana de louvor e adoração no estilo poprock, são considerados os criadores da música gospel moderna com um estilo único de músicas de louvor e adoração. Foi a 1a banda a fazer um festival gospel na Turquia, país em que a grande maioria são muçulmanos.
A banda se chamava inicilamente Zilch, quando criada em 1997. Em 1999 passou a ser chamada por Sonicflood, uma referência ao livro do Apocalipse (19.6) onde diz:
Então, ouvi uma como voz de numerosa multidão, como de muitas águas e como de fortes trovões, dizendo: Aleluia! Pois reina o Senhor, nosso Deus, o Todo-Poderoso.
(sonicflood = sonic = sônico / flood = inundação)


Como um dos primeiros grupos do movimento de adoração moderna, a banda indicada para o Grammy e ganhadora de discos de ouro Sonicflood continua seu chamado de ir a todas as nações levando as pessoas a adorarem em espírito e em verdade. Todos os álbuns da banda são ótimos, para quem ainda não conhece recomendo ouvir o álbum Glimpse.
Uma compilação de músicas ao vivo gravadas da Irlanda à Tailandia, "Glimpse" é um álbum que mostra o vigor e coração do Sonicflood e porque eles continuam a definir o termo "adoração moderna" através de seu ministério global.

"Glimpse" também traz duas músicas inéditas gravadas em estúdio. 

Prêmios e indicações:
* 1999 - Dove Award for "Praise and Worship Album": Sonicflood
* 1999 - Grammy Award nomination for "Best Gospel Rock Album": Sonicflood 
* 2000 - Dove Award for "Special Event Album": City on a Hill (various artists)
* 2001 - Grammy Award nomination for "Best Gospel Rock Album": Sonicpraise

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

O Ascensorista

No último culto de oração, uma irmã testemunhou que teve um sonho onde ela estava em um elevador e junto com ela entrou uma criança que lhe disse que queria ser ascensorista. Então ela lhe respondeu que sim, ele poderia ser, no entanto um ascensorista que levaria muitas pessoas a conheceram a Deus, alguém que ajudaria as pessoas a subirem aos céus.
Eu achei essa história muito interessante, pois o cristão deve ser um ascensorista, o qual deve ajudar as pessoas a subir até conhecerem face a face o Senhor Jesus e encontrar salvação!

Lemos no livro de Romanos 15.1-2 Nós que somos fortes na fé devemos ajudar os fracos a carregarem as suas cargas e não devemos agradar a nós mesmos. Pelo contrário, cada um de nós deve agradar o seu irmão, para o bem dele, a fim de que ele cresça na fé.

Meditemos nessa palavra. O quanto temos negado a nós mesmo para agradar aos nossos irmãos? Pois se somos imitadores de Cristo é isso que devemos fazer. Jesus negou a si mesmo se entregando na cruz por amor a nós.
Peça ao Senhor que venceu o mundo, forças para que nesse dia você possa esquecer a si mesmo e procurar agradar ao teu irmão, e que todos os dias você lembre-se desse devocional para ser um ascensorista de Deus, que leva as pessoas até Jesus Cristo que está no alto e assim elas poderem subir conosco até os céus.

Que Deus, que é quem dá paciência e coragem, ajude vocês a viverem bem uns com os outros, seguindo o exemplo de Cristo Jesus! Rm15.5

Devocional Romanos 15.1-14

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Quem proíbe o Namoro?

O ministério da unção do espírito santo adverte:
Texto recomendado para pessoas com sede de santidade!

Primeiramente, gostaria de contar-lhes uma historinha, adaptada e baseada em fatos reais, e que aconteceu e pode ainda estar acontecendo bem perto de nós.
Certa ocasião, uma irmã querida nos perguntou:

– Tem uma coisa que ainda não entendo, por que vocês proíbem o namoro aqui?

– Quem proíbe o namoro? Respondi com ar espantado.
– Vocês… O grupo… Sei lá, o presbitério. Ela parecia meio confusa
– Por que somos proibidos de namorar? Insistiu, franzindo a testa e me fitando atentamente.
– Sinceramente, não sei do que você está falando, minha irmã! Respondi calmamente, mas com ar de provocação.
– Não proibimos ninguém de namorar. Embora estivesse dizendo a verdade, continuei fazendo cara de quem está por fora.
– Como assim? Você tem certeza? Então estão me ensinando errado… agora ela já demonstrava algum aborrecimento.
– Alguém disse a você que nós proibimos o namoro? Perguntei, com cara de bobo.
– É… Mais ou menos… Pelo menos foi o que eu entendi… Você há de convir que não é como em algumas denominações… Você sabe, não pode beijar… ter certas intimidades etc. Me olhou fixamente, esperando uma resposta mais clara. Eu também encarei a moça e tentei responder-lhe com serenidade.
– Então creio que você entendeu errado. Ninguém proíbe o namoro aqui…
– Não mesmo? Insistiu.
– Com toda a certeza! Me mantive firme.
Ela continuou de olhos arregalados… Fazendo cara de quem não estava entendendo nada, ainda esperando, talvez, uma explicação para esse “grande mal entendido”. Parece que agora as coisas seriam esclarecidas.
Bem, antes que eu possa contar como terminou essa conversa, aproveito para perguntar a você: Também acredita que proibimos o namoro? Você também crê que somos uma parte da igreja, talvez uma “comunidade cristã” na qual uma das normas seja “Não namorarás”? Não é raro ouvir de alguns irmãos que não reúnem conosco a seguinte pergunta: “Ah, você é daquela congregação onde não se pode namorar?” Meu temor começa a ser que alguns do nosso meio também pensem assim.
Contudo, seja qual for a sua resposta, quero lhe desafiar a pensar sobre o assunto de uma outra maneira. A partir da origem. O que é, quando foi criado, quem criou e para que serve esse negócio chamado namoro? Está pronto? Então vamos adiante.
No manual do “pai dos burros”, o velho e eficiente Dicionário, encontramos a seguinte definição: Namoro: ato ou efeito de namorar. Não ajudou muito, não é? Namorar: inspirar amor a ou tornar-se amoroso; apaixonar (-se), seduzir ou deixar (-se) seduzir, atrair ou sentir (-se) atraído. Terem duas pessoas relacionamento amoroso em que a aproximação física e psíquica, fundada numa atração recíproca, aspira à continuidade.
No manual do Pai das Luzes, a Viva e Eficaz Palavra de Deus… Bem que tal me ajudar um pouco e procurar na sua chave bíblica? Confesso que cansei de procurar na minha. Quem sabe uma tradução diferente, moderna, uma dessas NVI’s. Em um de nossos encontros com jovens solteiros desafiei-os a me mostrarem, ao menos a palavra namoro, na Bíblia. Até hoje espero, mas ninguém me mostrou nada. Por quê? Porque não está lá. E nem perca seu tempo procurando. Em primeiro lugar, não existe namoro na Bíblia. Trata-se de uma invenção diabólica, e antes de pensar algo de que você precisará pedir perdão à Deus depois, me escute, que existe para que as pessoas aproveitem os benefícios emocionais e físicos da intimidade sem a responsabilidade de um compromisso real.
O namoro, como nós o conhecemos, não existia até o início do século XX. É um subproduto dessa cultura mundana voltada para a diversão e o entretenimento. É descartável como uma lâmina de barbear. Sejamos honestos. Não existe “Namoro Cristão”. O que a luz tem a ver com as trevas? O que Deus tem a ver com o diabo? O que namoro tem a ver com os Cristãos? Nossa intenção não é encher sua cabeça com perguntas, mas questionar-se pode levá-lo a um profundo entendimento sobre o assunto. Existem muitos motivos pelos quais um discípulo não namora.
Aqui, enumeramos sete.

1. O Namoro conduz à intimidade, mas não necessariamente a um compromisso.

Aprofundar a intimidade a clara definição de um nível de compromisso é nitidamente perigoso. É como escalar uma montanha com uma parceira sem saber se ela quer a responsabilidade de segurar a sua corda. A intimidade sem compromisso desperta desejos, emocionais e físicos, que nenhum dos dois pode satisfazer se agirem conforme o padrão de Deus. E a Palavra é muito clara sobre o assunto em I Ts. 4:6. O termo é defraudar. Se não posso satisfazer, então porque vou começar?
Normalmente essa intimidade começa com beijos. “Só beijos” são por pouco tempo, porque existe muito mais além dos lábios, que o corpo começa a pedir. É a mesma coisa quando você compra um sorvete e tira a embalagem. Antes de comer o sorvete, você percebe que ainda há um pouco de chocolate que ficou na embalagem e, antes de jogá-la fora, você lhe dá uma lambida para não estragar nada. Mas, quem vai parar por aí? Quem deixará o sorvete estragar estando contente por ter lambido o chocolate na embalagem? Ninguém. É ridículo pensar assim. Especialmente depois de provar um pedaço. É muito difícil não querer provar o resto. E isso é o que acontece no namoro. Afinal você prova o chocolate que ficou na embalagem e não vai desejar o resto? Sinto muito, mas não me fale o contrário, pois não consigo acreditar mesmo. Entenda que o verdadeiro problema é que não era para você estar tirando a embalagem, porque você nem comprou o sorvete.

2. O Namoro geralmente confunde contato físico com amor.
A nossa cultura como um todo entende as palavras “amor” e “sexo” como sinônimas, não deveríamos ficar surpresos que muitos relacionamentos confundem atração física e intimidade sexual com o verdadeiro amor. Quantas vidas já foram emocionalmente destruídas por causa dessa tal “prova de amor” que alguns exigem de seus namorados(as)? Desde quando a relação sexual é uma prova de amor? Você pode até me dizer que o envolvimento físico pode fazer com que duas pessoas se sintam próximas, é verdade. Mas se muitos casais de namorados examinassem o foco do seu relacionamento, eles certamente descobririam que o que têm em comum é a lascívia.
Observação: Lascívia significa: “sensualidade”, ou seja, quem pratica a lascívia pratica a sensualidade defraudando ao seu irmão ou irmã. É fruto da carne! (Gálatas 5 – 19). E nos rouba o entendimento (Oséias 4-11).

3. O Namoro tende a pular a fase da “amizade” de um relacionamento.
No namoro, a atração romântica geralmente é a base do relacionamento. A premissa do namoro é: “Eu estou atraído por você; então vamos nos conhecer melhor.” O namoro rouba a grande possibilidade de iniciar o relacionamento pela estrada certa. Estrada da amizade.
A premissa da amizade é bem diferente: “Nós estamos interessados nas mesmas coisas; vamos aproveitar esses interesses comuns juntos”. C. S. Lewis descreve a amizade como sendo duas pessoas andando lado a lado em direção a um objetivo comum. Bem se já entendemos que ter intimidade sem compromisso é defraudar, agora precisamos entender que a intimidade sem amizade é algo totalmente superficial. Um relacionamento baseado somente na atração física e nos sentimentos românticos apenas durará enquanto durarem os sentimentos.

4. O Namoro geralmente isola o casal de outros relacionamentos vitais.
Outro grave erro gerado pelo namoro é que, na prática, namorar significa basicamente duas pessoas com foco uma na outra. Infelizmente, na maioria dos casos o resto do mundo vira um pano de fundo. Se você já fez papel de vela, sabe do que estou falando.
Agora pensemos um pouco sobre o estrago que isso pode fazer na Igreja: a atenção exclusiva, que é normalmente esperada em um namoro, vai roubar dos dois a paixão pelo serviço ao Senhor. Vai isolá-los dos irmãos e amigos que mais os amam, dos familiares e, o mais triste, até do próprio Senhor, cuja vontade é, de longe, mais importante do que qualquer interesse romântico.
Preocupa-me ver que muitos jovens têm buscado guardarem-se fisicamente puros, mas entregam o coração a um romantismo hollywoodiano, exagerado e fora de tempo. Compensam a ausência de intimidade física com envolvimento emocional desenfreado, que joga por terra as motivações corretas e acaba conduzindo ao pecado.

5. O Namoro, em muitos casos, tira o foco dos jovens adultos de sua principal responsabilidade, que é de preparar-se para o futuro.
Uma das tendências mais tristes do namoro é desviar os jovens adultos do desenvolvimento dos seus talentos e habilidades dadas por Deus. É um grande momento para buscarem crescer em valores importantes para desempenhar bem seus papéis estabelecidos por Deus para uma família. Uma época propícia para equipar o caráter, cuidar da formação acadêmica e de obter experiência necessária ser bem sucedido na vida. Ao invés disso, muitos se permitem serem consumidos pelas necessidades momentâneas, pelas quais o namoro clama.

6. O Namoro pode causar desgosto com o dom de permanecer solteiro dado por Deus.
Ah, meus amados! Infelizmente não é raro encontrarmos alguns solteiros – principalmente mulheres – desgostosos com a própria vida. Sentindo-se vazios, incompletos, tristes. Tudo isso porque acham estão “passando da idade” de se comprometerem com alguém. Não pode haver espaço para tais sentimentos no Reino de Deus, pois apesar de não estarmos pecando quando desejamos um dia nos casar, podemos ser culpados de mau uso do privilégio de sermos solteiros. Isso acontece quando permitimos que um desejo por algo que Deus ainda não nos deu, roube a nossa capacidade de aproveitar e apreciar o que Ele tem nos dado.

7. O Namoro cria um ambiente artificial para avaliar o caráter de outra pessoa.
O namoro cria um ambiente artificial que não exige que a pessoa apresente as suas características positivas e negativas. Em um namoro, a pessoa pode entrar no coração do parceiro usando verdadeiras máscaras de sedução. Por exemplo: ser um cara divertido em um passeio ou estar bem vestida não diz nada sobre o seu caráter ou sua habilidade em ser um bom marido ou esposa. Já pensou sobre as questões? Como ele interage com as pessoas que o conhecem melhor? Como ela reage quando as coisas não saem como planejado? Como é seu relacionamento com seus familiares? Ao considerar alguém um parceiro em potencial, uma pessoa que podemos observar, precisamos encontrar respostas a estas questões – questões que o namoro não irá responder.
Amados, convenhamos: a questão aqui não é de proibição. É de forma. Namoro é a forma do mundo. Vamos tomá-la para nós, ou cumprir o que nos diz o apóstolo Paulo em Romanos 12:2?
• “E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.”

Autor Desconhecido Texto compilado do livro “Eu Disse Adeus ao Namoro – Joshua Harris”

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Som da Semana - Oh Happy Day

Tim Hughes - Oh Happy Day!
Em 1997, com 19 anos, Hughes foi questionado por Mike Pilavachi a conduzir a adoração nos festivais do Soul Survivor.
Tim também é um dos sócios do Compassionart, uma instituição de caridade fundada por Martin Smith vocalista da banda Gospel Delirious?

Tim é graduado em História pela Universidade de Sheffield.
Ele gravou e lançou três álbuns: Here I Am to Worship em 2001, When Silence Falls em 2004 e Holding Nothing Back em 2007. Sua canção vencedora do Dove Award, "Here I Am to Worship"(Vim para adorar-Te) tornou-se um louvor de renome mundial.


O grande dia na história, a morte é batida
Você me salvou
Cante Jesus está vivo
A cruz vazia, o sepulcro vazio
Vida eterna Você ganhou o dia
Gritem Jesus está vivo
Ele está vivo


Refrão:
Oh dia feliz, dia feliz
Você lavou meu pecado
Oh dia feliz, dia feliz
Eu nunca serei o mesmo
Pra sempre estou transformado


Quando eu fico, naquele lugar
Livre vendo o rosto de sua última reunião, a face
Eu sou Seu Jesus Você é meu
alegria infinita, paz perfeita
dores terrenas, finalmente, cessarão
Comemore Jesus está vivo
Ele está vivo


Oh, que dia glorioso
Que maneira gloriosa
Que Você me salvou
Oh, que dia glorioso
Oh que nome glorioso

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

O Plano

Deus tem um plano para tua vida
Quantas vezes você já ouviu essa frase? 
Deus tem um plano para cada um de nós.
Isso é verdade, eu creio. Porém Deus é tão educado como um cavaleiro, que nos deixa escolher se queremos ou não que esse “plano” se cumpra em nossas vidas. Ele não obriga ninguém a isso. Essa decisão cabe unicamente a você e a mim. E para isso não é preciso que você cumpra nenhuma norma, faça isso ou aquilo e se torne um religioso. Eu poderia escrever aqui inúmeras passagens bíblicas que comprovam que Ele tem um plano pra você, se você quiser aceitá-lo claro. Mas ao invés disso quero apenas lhe falar o que aprendi com o Senhor. Aprendi tudo isso lendo a bíblia, o que considero a palavra de Deus, nosso Pai e Criador. E essa palavra é capaz de nos acrescentar muitas verdades e bons conhecimentos de quem somos nós. Assim, deixo com que você procure as respostas que precisa lendo esse precioso livro, pegue hoje mesmo uma bíblia, não perca tempo, e conheça o plano verdadeiro de Deus para tua vida. O qual Ele é capaz de completar caso você aceite. Aprendi que Deus está sempre pronto para completar esse plano em nossas vidas, isso é o que Ele mais deseja que todos seus filhos aceitem o Seu plano. E assim eu escolhi andar na contra mão do mundo, abandonar uma vida de dor para encontrar nos braços do Pai o amor, e hoje desejo que você também encontre esse amor verdadeiro que ninguém no mundo pode nos dar. Deus nos mostra o caminho do bem e do mal, da vida e da morte, e deseja que nós tomemos o caminho da vida. Ele não tem prazer nenhum no sofrimento dos seus filhos, pelo contrário, Ele se alegra quando seus filhos voltam para Ele e aceitam o Seu plano, e se entristece quando o rejeitamos e estamos morrendo no mundo. É muito fácil culpar a Deus quando uma tragédia acontece, porém quando tudo está bem às pessoas não querem aceitar o plano de Deus em suas vidas e assim o buscá-lo, buscar viver na presença dele, fugindo do pecado.

Então hoje mesmo Deus pode começar com o plano que ele preparou para você, basta você querer e buscar isso, essa decisão é apenas tua! Você aceita?

...escolhe, pois, a vida, para que vivas, tu e a tua descendência, amando ao Senhor teu Deus, obedecendo à sua voz, e te apegando a ele; pois ele é a tua vida... Deuteronômio 30.19-20

Que Deus te abençoe e te ajude a andar no caminho da vida.

No amor de Cristo,
Alguém que escolheu esse caminho.

sábado, 2 de outubro de 2010

Vote Consciente!

Amanhã teremos as eleições 2010.

Mas antes, um pouquinho de humor relembrando as eleições de 2008...



Misericórdia Senhor...

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Fazendo um auto exame

Toda casa precisa de espelho. Você já imaginou como seria complicado se não houvesse espelho? Ninguém que tenha o mínimo de bom senso sai de casa sem dar uma olhada no espelho. O escritor e pastor John Maxwell, no seu livro: "Vencendo com as Pessoas", faz uma abordagem sobre a Lei do Espelho que nos ajuda a compreender a importância do auto-exame. As mudanças necessárias começam quando ganhamos consciência do que precisa ser mudado em nós. Vaejamos como funciona a lei do espelho segundo J. Maxwell. 

1.1. A primeira pessoa que devo conhecer bem sou eu mesmo - (auto consciência).
A natureza humana parece dotar as pessoas da capacidade de julgar todo mundo, menos elas mesmas. 

1.2. A primeira pessoa com quem devo me dar bem sou eu mesmo - (auto-imagem).
São de Sydney J. Harris as palavras: "Se você não se sente a vontade consigo, não sentirá à vontade com os outros". Essa uma questão de auto-estima. Tudo na vida depende de como nos relacionamos com Deus, o próximo e conosco mesmo. Quando você se relaciona bem com Deus, você cresce em sua auto-estima e isso contribui para o desenvolvimento dos seus relacionamentos interpessoais. Na primeira carta do apóstolo João, lemos: "Mas se andarmos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outros,..." (1 Jo 1.7a). Quem anda na luz, anda em comunhão com Deus, com o próximo e consigo mesmo. Quanto mais eu me aproximo de Deus, mais eu me conheço e me aceito e isso faz toda a diferença na construção de relacionamentos. O psicólogo e escritor de sucesso Phil McGraw declara: "Sempre digo que o relacionamento mais importante que alguém pode ter é consigo. Antes de mais nada, você precisa ser o seu melhor amigo". A Bíblia diz: "Ame o seu próximo como a si mesmo..." (Mc 12.31). 

1.3. A primeira pessoa que me cria problemas sou eu mesmo - (autocritica).
Não há crescimento quando não há autocrítica. Sem um espelho, é impossível enxergar a nós mesmos. Foi por isso que Jesus disse: "Por que você repara no cisco que está no olho do seu irmão, e não se dá conta da viga que está em seu próprio olho?" (Mt 7.3) Quando falta autocrítica, significa que temos um problema chamado "eu cego". O "eu cego" é tudo que as pessoas ao meu redor percebem em mim, que eu não consigo perceber. Por esta razão é indispensável a prática da introspecção.
É comum para você perguntar para um amigo que inspira confiança: "O que você percebe de negativo no meu comportamento que eu não estou conseguindo enxergar? Você está sempre fazendo uma autocrítica buscando o aperfeiçoamento?"

1.4. A primeira pessoa que preciso mudar sou eu mesmo - (desenvolvimento pessoal).
Quem procura justificar suas falhas apontando as falhas dos outros, se torna um prisioneiro da mediocridade, não se aperfeiçoa. O segredo daqueles que alcançaram um alto nível de desenvolvimento pessoal, é a humildade que os manteve sempre abertos para as mudanças necessárias. Paulo tinha isto em mente quando escreveu para Timóteo: "Tem cuidado de ti mesmo e da doutrina". (2 Tm 4.16a). Se você deseja contribuir no crescimento das pessoas que você influencia, então precisa primeiro esteja pronto para as mudanças necessárias em si mesmo. 

1.5. A primeira pessoa que pode fazer a diferença sou eu mesmo - (responsabilidade).
A sua vida pode ser um sucesso ou fracasso, depende de como você quer construí-la. Com razão disse o psicoterapeuta Sheldon Kopp: "Todas as batalhas expressivas são as que travamos contra nós mesmos". Muitas pessoas ainda não alcançaram o que poderiam porque estão transferindo a culpa e a responsabilidade de sua vida para outros. É hora de assumir a responsabilidade das áreas a serem melhoradas, fazer um auto-exame e desatar os nós que precisam ser desatados. Segundo John Maxwell, as pessoas que desejam ser bem sucedidas precisam passar pelo teste do espelho.

Sem Comentários